A administração do Aeroporto de Guanambi foi transferida da Prefeitura Municipal de Guanambi para a INFRACEA em 15/08/2019, por meio de licitação. Desde então, a INFRACEA, vem atuando em conjunto com os Órgãos Federais, Prefeitura e Governo do Estado, visando a adequação do aeroporto para o recebimento da tão sonhada certificação operacional, a fim de possibilitar ao aeroporto receber voos regulares regionais. Dentre as companhias aéreas interessadas, temos a Azul Linhas Aéreas, empresa que atualmente tem grande relevância na aviação regional e doméstica no País.

Durante todo esse processo de adequação, a INFRACEA realizou auditoria nas condições operacionais e estruturais do Aeroporto, chegando a um relatório completo que apresentou a real situação do aeroporto, tudo embasado nas normas vigentes, como os Regulamentos Brasileiros da Aviação Civil, as chamadas RBAC 107, 139, 153, 154, 169. A partir deste relatório, foram designadas equipes especializadas em Operações AeroportuáriasSegurança OperacionalSegurança da Aviação Civil contra Atos de Interferência IlícitaEngenharia e Manutenção Aeroportuária para deixar o Aeroporto Isaac Moura Rocha em condições de receber a certificação.

Os principais pontos de ajustes iniciais foram a capacitação e contratação de equipe própria da INFRACEA, criação de procedimentos operacionais que garantem a segurança operacional das aeronaves, passageiros e funcionários. Implementou ainda, o controle de acesso, gestão junto aos hangares para se adequarem a legislação, ajustes em publicações aeronáuticas e etc, assim, deixando o Aeroporto pronto para operar seguindo todos os requisitos exigidos.

Desde o dia 14/02/2020 estamos com a Certificação Provisória Operacional aprovada pela ANAC, podemos ter voos regulares, portanto, oferecer à toda população do Município de Guanambi e região, uma opção de transporte mais rápido para outros municípios. Ressalta-se que, o município mais próximo que possui aeroporto certificado é Vitória da Conquista, a 280 km de distância. Agora a população poderá sair de Guanambi para qualquer lugar do Brasil e do Mundo.

 “Quais são os próximos passos para a implantação de voos comerciais no Aeroporto de Guanambi?”

O trabalho continua, em breve as ações e prazos previstos no Plano de Ações Corretivas definido pela ANAC serão finalizadas. Mas isso não é impeditivo para a implementação dos voos comerciais e a INFRACEA não está parada. A diretoria já está em conversa com empresas aéreas, como Azul Linhas AéreasPassaredo e Abaeté Linhas Aéreas, buscando viabilizar os voos regulares destas empresas, para isso está apresentando toda a evolução do aeroporto e demonstrando que está pronto para receber seus voos. A expectativa é de termos voos regulares em breve.

Sobre a INFRACEA

A INFRACEA é uma empresa compostas por amantes da aviação com anos de experiencia no setor. Já foi responsável pela certificação de aeroportos regionais, domésticos e internacionais:

  • Aeroporto Internacional de Brasília DF;
  • Aeroporto Internacional de Natal RN;
  • Aeroporto Internacional de Salvador BA;
  • Aeroporto Internacional de Fortaleza CE;
  • Aeroporto Internacional de Porto Alegre RS;
  • Aeroporto Municipal de Mossoró RN;
  • Aeroporto Federal de Lages SC;

Além de certificar aeroportos, INFRACEA é a administradora dos aeroportos de Guanambi, Mossoró, Lages, Paracatu. Possui equipes de Inspeção de Segurança, os chamados APAC (Agentes de Proteção da Aviação Civil) espalhados por todo o Brasil, possui uma equipe de Fiscais de Pátio de Excelência, e uma Equipe de Engenharia e Manutenção responsáveis por projetos aeroportuários e manutenção de equipamentos como por exemplo, auxílios visuais luminosos e demais itens essenciais para o Aeroporto. Promove ainda cursos e treinamentos em todo o Brasil, capacitando pessoas para estarem aptas a serem profissionais de excelência neste mercado de trabalho em crescimento.

Fonte: https://infracea.com.br/

Deixe seu Comentário